Saltar para: Posts [1], Pesquisa e Arquivos [2]


Toca a hidratar, comer e dormir bem

por Melissa Lopes, em 16.03.15

Diz que, para quem vai fazer a Meia Maratona mas também para quem não vai, se deve beber muita água diariamente. Mas, sobretudo os runners, nesta última semana, devem investir na hidratação - não através do álcool, como devem imaginar, mas de água. Devem beber bastante água principalmente nos últimos quatro dias antes da prova. Diz que ajuda a diminuir a incidência de cãibras, favorece a circulação sanguínea (e portanto, eliminação de toxinas), ajuda a levar o glicogénio - fonte de energia armazenada nos músculos - até às células, e não tem calorias. É importante beber, mas no dia da prova não convém encher a barriga de água antes da corrida. Vão sentir-se pesados e vão querer ir ao wc, o que para as mulheres ainda é mais desconfortável. Correr com a bexiga cheia não é uma coisa que queiram experimentar. 

Além da hidratação, pede-se uma semana de refeições equilibradas, sem cometer grandes desastres alimentares. E meninas, esta não é uma semana para dietas, não queiram desfalecer logo na Ponte 25 de Abril. E também não comecem a fazer treinos intensivos agora, não é nestes últimos dias que se vão tornar melhores atletas. Se se matarem a treinar esta semana, chega domingo e o vosso corpo quer é ficar na caminha, ou então chegam lá, correm 5km e fazem os restantes kms a caminhar. Não se metam nisso. Conselhos de amiga (baseados nas dicas dos especialistas, porque eu, vocês já sabem, vou estrear-me agora nestas andanças mais longas)

 

Deixo dois sites que podem  consultar, caso não acreditem em mim, ou caso queiram mais detalhes sobre o que comer: 1- antes e depois de uma Meia Maratona;  e sobre: 2- alimentação dias antes da prova

 

agua.jpg

 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 11:00

Se o pão engordasse...

por Melissa Lopes, em 12.03.15

Se o pão engordasse, eu estaria do tamanho de um elefante, de certeza. Acreditem, o pão não engorda e eu sou a prova viva disso. Sendo eu filha de padeiro, vivi toda uma infância a comer pão diariamente. Eu e os meus quatro irmãos adorávamos esperar, de madrugada, pela chegada do Sr. António, que trazia  para casa um saco de papossecos e pão ainda fomegar. Trazia-nos sempre pão da última fornada, claro. E nós, às 3h/ 4h da manhã comíamos o belo do pão com manteiga/margarina (isto nas férias do verão, atenção!). Nessa altura, a palavra calorias ainda não integrava o meu dicionário. E sim, de facto, era uma bola. Depois cresci, ganhei forma de mulher e aí comecei a ter cuidado com a quantidade de pão (e outras coisas) que ingeria, durante algum tempo. Ouvia por todo o lado a velha máxima "o pão engorda". Apostei nisso mas sobretudo nas caminhadas longas. Emagreci gradualmente. E assim fiquei, mais quilo menos quilo, até agora.

Mais recentemente intensifiquei a prática de exercício físico e recuperei o hábito de comer pão como dantes. Se vos disser que não há um dia em que não coma pão? Mais, se vos disser que nunca menos de 200 gr? Pior, muitas vezes como 400 gr por dia. Parece um exagero. Talvez seja. Mas, a questão é que, para me alarvar no pão (algo que gosto mesmo muito), não toco em massa, batata e arroz (nem me lembro destes acompanhamentos). Outra nota, não como pão com carradas de manteiga, queijo, fiambre e chouriço, nada disso. Como-o com queijo fresco, com ovo mexido, ou até sem nada. Integro-o na refeição, faço torradas, tibornas e coisas desse género. Opto sempre pelos mais escuros - os integrais, os de sementes, ou os de centeio. 

Se podia reduzir o consumo de pão e emagrecer? Podia, mas não era a mesma coisa. Estamos a falar de prazer. Como tudo na vida, há que procurar um equílibrio. Priviligiar aquilo que gostamos, deixar de parte aquilo que nos satisfaz pouco ou mais ou menos. E, claro, mexer o rabiosque tanto quanto possível, que isto não é só encher o bandulho, Só assim é que o pão não engorda. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 21:47

Não entro nesses esquemas que trocam o prazer de mastigar por essas invenções vindas sabe-se lá de onde (na verdade até sei). O argumento é dos seguidores desses batidos é a seguinte: uma vez que não incluo na minha alimentação legumes e frutas suficientes, passo a misturá-los todos e transformá-los numa bebida e "despejá-lo" de uma assentada no bucho, para substituir um almoço, um jantar ou um lanche.

 
Os sumos/batidos até podem ser saborosos para as papilas gustativas, mas na realidade são nojentos para os olhos. "Até é bom" ou "bebe-se bem", dizem os que se querem desintoxicar.
 
Para desintoxicar sugiro: 1-deixar de fumar, 2- fazer exercício 3- beber água 4- deixar o álcool e outro tipo de drogas mais ou menos pesadas 5- não comer fast food , fritos, doces e gorduras 6-comer frutas e legumes, mas ter o trabalho de os mastigar (esta é para os mais empenhados)
 
Não seria mais natural ingerir esses alimentos inteiros, ou semi inteiros, num prato, de faca e garfo? E o prazer de sentar à mesa e tomar uma refeição normalmente? Não sei, digo eu, se calhar estou a ser demasiado progressista (ou demasiado antiquada para os visionários). De repente, parece que estamos noutro planeta. 
 
O problema não está nos ingredientes que os sumos levam, está na forma aberrante a que se chegou para os consumir, menosprezando totalmente a beleza e o sabor individual de cada um. Se eu não gostasse de legumes, esta não seria a maneira mais apelativa para conseguir apreciá-los. Mas isto sou eu.
 
 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:13

Dias de São Martinho

por Melissa Lopes, em 12.11.13
Pessoal, esqueçam a dúzia de castanhas por 2 euros na rua. Comprem castanha no supermercado e assem-nas em casa: basta um corte e 2 minutos no microondas. Deliciosas e sem cinza. É no poupar que está o ganho.

P.s Nem pareço aquela pessoa que, há um ano atrás, falava mal deste electrodoméstico. Dizia eu que não me fazia falta nenhuma e bla bla. Vou ter que rever o meu discurso. 


Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 16:55

...

por Melissa Lopes, em 01.11.13
Ele: pareces um orangotango a comer fruta (em quantidade e em rapidez)
Eu:? ahahah?!

Qualquer coisa deste género!

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:33

Pescada, o delírio do gato

por Melissa Lopes, em 29.09.13






Alguém já está à mesa à espera! [you wish]

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:11

Confesso-me viciada

por Melissa Lopes, em 06.06.13
Abriu oficialmente a época da cereja no Terceiro Frente. Daqui em diante, a média de cerejas consumidas por dia ronda o quilo (não estou a exagerar). A banca que me vai fornecer nos próximos tempo está escolhida (é em Arroios, claro, a zona que sempre me tratou bem), ainda que não seja a dois passos de casa, é lá que vou satisfazer esta necessidade.

Trata-se de um vício, eu sei, mas um vício que se compreende. Ao contrário do álcool e o tabaco que de saborosos não têm nada, estas pérolas vermelhinhas e reluzentes são boas até mais não. Como se isso não bastasse, desintoxicam, são depurativas e diuréticas.

Coisa boa!




Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 03:25

Isto não é um blog de culinária, mas...

por Melissa Lopes, em 13.04.13
Aqui estão algumas das ultimas criações (simples, claro) :

Cotovelinhos com queijo e fiambre e molho bechamel
























E frango no forno com alho, limão e tomilho:

























Desconfio que a próxima conta da electricidade vai ser astronómica... 
Bom fim de semana 
Terceiro Frente

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 07:01

E para jantar...

por Melissa Lopes, em 07.04.13
Inspirei-me no blogue "Cinco Quartos de Laranja". Et voilá, foi este o jantar no terceiro frente: bacalhau en papillote, com arroz de tomate e salada de agrião. 

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 13:31

E para o almoço...

por Melissa Lopes, em 17.03.13
Cogumelos selvagens grelhados com espinafres



  
















Para quem prefere os "bifes" da terra aos dos animais!

Bom domingo
Terceiro Frente

Autoria e outros dados (tags, etc)

publicado às 08:41


Mais sobre mim

foto do autor


Calendário

Março 2017

D S T Q Q S S
1234
567891011
12131415161718
19202122232425
262728293031

Terceiro Frente é social


Instagram


Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.